12/11/2018 - CNC     Twitter  Facebook  Google+  LinkedIn

Os dois maiores bancos privados do país melhoraram a previsão para o desempenho da economia em 2019.

Embora estejam mais otimistas com o futuro da atividade, Itaú e Bradesco mantiveram as projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) deste ano.

O Itaú projeta agora um crescimento 2,5% em 2019, acima dos 2% previstos anteriormente. Para 2018, a expansão esperada segue em 1,3%.

Na avaliação do banco, a melhora é sustentada por condições financeiras mais expansivas. Na revisão de cenário, o Itaú espera que a taxa básica de juros (Selic) deve permanecer inalterada em 6,5% não só no encontro de política monetária de dezembro como também em todo o ano de 2019.

O banco prevê que a Selic subirá para 8% apenas em 2020, ao invés do segundo semestre do ano que vem, como previa antes. A taxa básica de juros está em 6,5% ao ano desde março de 2018.








07/12/2018 - G1 - João Borges
Paulo Guedes faz pente-fino em isenções tributárias
 mais...
07/12/2018 - G1
IPCA tem deflação de 0,21% em novembro
 mais...
07/12/2018 - CNC
Mais ricos são os maiores beneficiados pelas regras de aposentadoria
 mais...
07/12/2018 - CNC
Poupança: depósitos superam saques em R$ 684 milhões
 mais...
Página Inicial  .:.   Informações de Publicidade  .:.   Patrocinadores  .:.   Entre em Contato  .:.   Twitter  Facebook  Google+  LinkedIn
© 2004 - 2018 - AMMS - Associação das Mulheres do Mercado de Seguros
Tecnologia EBTI