13/12/2018 - Revista Cobertura     Twitter  Facebook  Google+  LinkedIn

De acordo com os dados da FenaCap – Federação Nacional de Capitalização, entre janeiro e outubro, o segmento distribuiu R$ 899,5 milhões em prêmios. O volume de prêmios pagos por dia útil segue relevante, atingindo R$ 4,2 milhões, distribuídos a clientes sorteados em todo o país.

Em comparação ao mesmo período de 2017, o faturamento das empresas de capitalização cresceu 2,7%, atingindo R$ R$ 17,4 bilhões e as reservas técnicas, compostas dos recursos de títulos ativos que serão resgatados pelos clientes, alcançaram o patamar de R$ 29,4 bilhões valor 1,7% maior, em relação ao ano passado. No período, o segmento injetou na economia, sob forma de resgates parciais e finais, R$ R$14,3 bilhões.

Para o próximo ano, o segmento aposta na criação de novos produtos, adequados as exigências das Circulares 569 e 576. “A expectativa é que a melhora na economia, reflita na redução do desemprego e outros indicadores, favorecendo a comercialização de Títulos de Capitalização. A criação das modalidades Instrumento de Garantia e Filantropia Premiável, devem gerar novas soluções para os consumidores, além das já existentes”, adianta Marcos Coltri, presidente da FenaCap.








23/01/2019 - G1
Mercado de ações perdeu R$ 11,5 bilhões em capital externo
 mais...
23/01/2019 - G1
Após 3 anos de demissões, Brasil cria 529 mil empregos formais em 2018
 mais...
23/01/2019 - CNC
Número de redes de franquias voltou a crescer
 mais...
23/01/2019 - CNC
Jovens dos países em desenvolvimento enfrentam ambiente perverso
 mais...
Página Inicial  .:.   Informações de Publicidade  .:.   Patrocinadores  .:.   Entre em Contato  .:.   Twitter  Facebook  Google+  LinkedIn
© 2004 - 2019 - AMMS - Associação das Mulheres do Mercado de Seguros
Tecnologia EBTI